NOTÍCIA ANTERIOR

Nordeste é alvo de xenofobia por levar Haddad ao segundo turno da eleição.

PRÓXIMA NOTÍCIA

Homem suspeito de matar adolescente de 15 anos em Barra da Estiva é inocentando.

Prefeitura de Caetité inicia tradicional Campanha Outubro Rosa Novembro Azul

Data publicação: 09/10/2018

Com intuito de conscientizar e alertar homens, mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção para o diagnóstico precoce dos cânceres de mama e próstata, a Prefeitura de Caetité deu início, nesta segunda-feira (08/10), à tradicional Campanha Outubro Rosa Novembro Azul, por meio de coletiva de imprensa realizada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), no Auditório Municipal no antigo Fórum na Praça da Catedral. Nesse primeiro momento, o foco da Campanha é o Câncer de Mama.


A coletiva de imprensa contou com a participação da secretária municipal de Saúde, Cynthia Lopes; do médico oncologista, Dr. Décio Montenegro; da médica da Unidade de Saúde José Silveira Rocha, Dr.ª Suellen Porto; da professora Leny Lucy, que contou sua experiência no enfrentamento do câncer de mama; e das servidoras da SMS Raysa Messias e Carol Hori. Estiveram presentes diversos veículos de comunicação do rádio e da internet.


Cynthia Lopes, secretária de Saúde, explicou que a mobilização tem como objetivo estimular as mulheres a participarem da campanha com a perspectiva do cuidado da saúde e do seu corpo. “Estamos dando condições, não somente nesse mês, mas durante todo o ano, para que as mulheres possam realizar o diagnóstico através de mamografias e ultrassonografias, e serem encaminhadas de forma rápida para o tratamento. Inclusive, já realizamos em nossa cidade cirurgias de mama, isso mostra o resultado de um trabalho sério”, afirmou.

“O cuidado da mulher deve ser contínuo, em todos os meses do ano. Então, durante a campanha, vamos potencializar esse chamamento, com oferta para prevenção em todas as Unidades de Saúde da Família, realizando o dia D da campanha nessas unidades, para que as mulheres participem e se previnam”, completou a secretária de Saúde.

Como forma de incentivar as mulheres a buscarem pelo exame e enfrentar o tratamento, a professora Leny Lucy contou sua história de luta contra a doença. “Quando você descobre a doença o primeiro passo é aceitar, isso é importante para encarar os desafios do tratamento. Depois é enfrentar essa luta com alegria para vencer o câncer. Eu venci essa doença porque não desanimei e aceitei minha condição no momento, isso deixou mais leve o tratamento. É essencial, também, o apoio da família e dos amigos”, enfatiza Leny.

A médica, Drª Suellen Porto, destacou, ainda, que existem fatores ambientais e genéticos que influenciam no desenvolvimento do câncer de mama e alertou para cuidados. “O câncer de mama é o tipo mais frequente em mulheres brasileiras. Se diagnosticado e tratado em fase inicial, as chances de cura chegam a 95%. A herança genética, a obesidade, o álcool e o fumo são os principais fatores que estimulam o surgimento do câncer de mama, quem está exposto a esses fatores devem aumentar o cuidado”, ressaltou.

“A prevenção é o melhor caminho para combatermos o câncer de mama. Portanto, a Campanha Outubro Rosa é, sobretudo, para levar informação às mulheres para a desmitificação de preconceitos e para a procura espontânea para a realização de exame de diagnóstico e para o enfrentamento de todo o processo de tratamento. Parabenizo a secretária de Saúde pela iniciativa e pelo trabalho que tem sido feito nos últimos anos”, destacou o médico oncologista, Dr. Décio Montenegro.

Durante este mês, o Cristo de braços abertos para a cidade está com iluminação especial em alusão ao Outubro Rosa.


Caetité Notícias © Copyright 2011 - 2017, Todos os direitos reservados Desenvolvido por WSouza Sistemas