NOTÍCIA ANTERIOR

Bolsonaro não participará de nenhum debate do 2º turno até a próxima semana

PRÓXIMA NOTÍCIA

Prefeitura de Caetité inaugura nova sede da Casa de Acolhimento “Lar Nova Esperança” para crianças e adolescentes

´É um absurdo ter que registrar um boletim de ocorrência em Guanambi´, Desabafa empresário Caetiteense em Rádio.

Data publicação: 10/10/2018

Pela segunda vez vítima da violência na cidade de Caetité, o  empresário  Antônio Rodrigues dos Santos, mas conhecido como Toe da Sorveteria Tropical, fez um desabafo no programa Giro de Notícias, do radialista Wellington David, na Star FM 105,9, na manhã desta quarta-feira(10/10).


Sr. Antônio, relatou que em poucos dias, duas tentativas de assaltos aconteceram em locais de sua propriedade. A primeira, um homem munido de uma faca fez ameaças em frente ao seu comércio localizado a Praça Jairo Pontes (Parques das Árvores). A Polícia Militar foi aciona e deteu o homem. 


Na segunda ação criminosa, agora na madrugada desta quarta-feira (10/10), em um galpão na Rua Coração de Maria, também de propriedade de Sr. Antônio, dois meliantes invadiram o local e tentaram roubar vários objetos, o que também foi suprimido pela PM, que deteve um dos autores. 


A revolta maior do empresário, começou ai. Chegando ao local, o mesmo foi informado que o  episódio de crime, deveria ser registrado em  Guanambi, pois a delegacia de Caetité não dispõe de plantão . Já eram duas horas da manhã e estava fechada.



"...Pensando que eu morava em uma cidade, mas fui vê que estou morando em um lugar que não existe nada, nem delegacia...Vc tem que ir para Guanambi... Que cidade é essa! Tudo que a gente faz é em Guanambi... Sair da cidade para registrar uma queixa em Guanambi é revoltante..." Desabafou o Empresário.



 Outro fator que deixou Sr. Antônio muito revoltado foi que Polícia Militar, sem ter local para levar o bandido durante a madrugada, acabou soltando o elemento, que provavelmente voltará a roubar e cometer crimes.


"...Inaugurou uma delegacia, mas perguntei o policia. Ele me respondeu que por enquanto só está entrando pernilongo..." Falou Sr. Antônio indignado. 


Ao final de seu relato, o empresário pediu providências as autoridades locais. Prefeito, Vereadores e a esfera judicial, para conter a subida da violência que vem assustando a cidade.


"...O povo de Caetité não merece, tenho respeito por minha cidade e gosto de minha cidade. Agora infelizmente, ultimamente está jogada as traças nossa cidade... Ninguém toma providência. Estou revoltado. Temos prefeito, delegacia, promotor e juiz, agora tudo é em Guanambi, então tem que dá um jeito..." Falou o empresário na entrevista. 


O áudio do desabafo vem circulando nos grupos de redes sociais, e já foi compartilhado milhares de vezes. Com a voz as autoridades da cidade.




Caetité Notícias © Copyright 2011 - 2017, Todos os direitos reservados Desenvolvido por WSouza Sistemas